Como a Segurança Jurídica impacta nas relações do negócio?
×

Segurança Jurídica e o impacto nas relações do negócio

 

Entenda porque a segurança jurídica é essencial para garantir o crescimento do negócio, mas a seleção da empresa/profissionais é um dos grandes segredos para a eficiência da gestão de riscos.

Segurança Jurídica e o impacto nas relações do negócio

Quando um empreendedor começa um negócio, ele deseja crescer e obter sucesso. Contudo, sabe-se que ninguém vai investir no negócio ou querer expandi-lo se não houver levantamento dos riscos. Em outras palavras, qualquer investidor ou mesmo o dono do empreendimento, deseja saber quais são os riscos do negócios para investir onde for necessário. Todo o levantamento de riscos gera uma série de informações que apontam as mais diversas possibilidades ou chances de prejuízos, sejam elas mínimas ou não.

Desse modo, ao ter todo o levantamento dos possíveis riscos em mãos, é possível estar consciente dos resultados financeiros que se pode alcançar. E é o conhecimento dos riscos jurídicos que as empresas podem dar as respostas necessárias, mostrando onde é provável que ocorra os maiores prejuízos.

Como contratar a gestão de Riscos Jurídicos?

Toda organização precisa ter uma gestão de riscos jurídicos na empresa, visto que ela traz inúmeras vantagens para o crescimento do negócio. Além disso, o que a segurança jurídica traz de benefícios, tem relação direta com a empresa ou consultoria jurídica responsável pela sua elaboração. Portanto, é preciso saber fazer essa contratação é um dos grandes segredos para resguardar o crescimento de toda a organização.

E é sobre esse assunto que vamos falar neste artigo. Mas, antes vamos apresentar rapidamente o que seria a segurança jurídica relacionada à gestão de riscos, para então destacar três pontos essenciais a serem consideradas na seleção e contratação de empresas ou consultoria especializada para a realização de um trabalho mais eficiente.

A Gestão de riscos e a segurança jurídica

A gestão de riscos é uma estratégia antecipativa e preventiva de planejamento, organização, direção e controle dos recursos humanos e materiais de uma organização para reduzir os riscos que possam vir a causar danos à imagem e reputação da organização, aos colaboradores, às partes interessadas, ao meio ambiente e à sociedade.

Conhecendo estes riscos, o gestor pode avaliar a probabilidade da ocorrência de um dano e suas consequências, analisando quais as melhores estratégias a serem adotadas para priorizar os riscos que são mais prováveis que aconteçam ou os mais graves. E qual o custo disso tudo.

A gestão de riscos pode ser considerada também a necessidade de que instituições exerçam funções de autocontrole afim de prevenir fraudes e legalidades, tratando-se igualmente de um controle interno da empresa para prevenir, reduzir e mitigar riscos e crises. Neste caso, a gestão de riscos está muito ligada à ideia de “programas de integridade”, entendidos como um “conjunto de mecanismos e procedimentos internos de integridade, auditoria e incentivo à denúncia de irregularidades e na aplicação efetiva de códigos de ética e de conduta, políticas e diretrizes com objetivo de detectar e sanar desvios, fraudes, irregularidades e atos ilícitos praticados contra a administração pública” (artigo 41, caput do Decreto 8.420/2015)”.

Gestão de Riscos associada a Conformidade Legal

Entenda porque a segurança jurídica é essencial para garantir o crescimento do negócio, mas a seleção da empresa/profissionais é um dos grandes segredos para a eficiência da gestão de riscos.

Quando a gestão de riscos é associada à conformidade legal (meio ambiente, segurança e saúde ocupacional, responsabilidade social, qualidade, etc), ela permite que os gestores tenham elementos importantes e estratégicos para a tomada de decisões, considerando a necessidade de que elas ocorram sob uma perspectiva de segurança jurídica e diminuição dos seus riscos.

É neste sentido que uma das principais vantagens que uma gestão de riscos eficientes traz para qualquer organização é a segurança jurídica para proteger o negócio. Porém, não é tão simples assim.

A falta de clareza sobre direitos e deveres, as crescentes alterações nas legislações e nos marcos regulatórios, a falta de confiança em instituições, as muitas normas com redação confusa ou imprecisas que geram interpretações divergentes, todos estes fatos são prejudiciais à realização de uma gestão de riscos eficiente, comprometendo a própria segurança jurídica da organização.

E o que fazer nesse caso para garantir o crescimento do negócio? É preciso que a empresa busque orientações adequadas, através de empresas e pessoas qualificadas e experientes, para ter a certeza de uma consultoria jurídica especializada.

Pontos principais para Gestão de Riscos

1. Contrate experts em gestão de riscos

Reforce a contratação de empresa/profissionais capacitados, renomados e experientes que garantam a entrega das informações de forma clara e bem interpretada. Afinal, de nada adianta ter as informações em mãos e não saber entender o que elas estão dizendo.

Os profissionais necessariamente precisam ter grande conhecimento em legislação, expertises e experiência porque são eles que vão participar e auxiliar em decisões estratégicas da empresa, que vão precisar mapear todos os possíveis riscos à imagem da instituição, à saúde e bem-estar dos colaboradores, ao meio ambiente, entre outros fatores.

Vale lembrar ainda que esta contratação deve ser feita à base de confiança. Tanto confiança na empresa ou profissionais a serem contratados quanto confiança no tratamento das informações prestadas e dados disponibilizados.

2. Tenha uma consultoria jurídica especializada

Na seleção da empresa ou profissionais para auxiliar na gestão de riscos é importante que a consultoria seja especializada, com grande conhecimento das leis, normas e requisitos aplicáveis para ter a certeza de que nada vai deixar de ser considerado ou que serão propostas estratégias adequadas para a redução e mitigação dos riscos.

Portanto, a escolha da empresa/consultoria jurídica para realizar a gestão de riscos é de extrema importância para garantir o sucesso da organização. Isso porque é de responsabilidade desses profissionais fornecerem elementos para a tomada de decisões sob uma perspectiva da minimização dos riscos jurídicos para os negócios, garantindo assim segurança jurídica para o planejamento e a priorização de investimentos e esforços relacionados à conformidade legal e à programas de integridade.

3. Garanta sigilo das informações e segurança dos dados

Uma das coisas mais importantes que qualquer organização possui são seus dados e as suas informações. Por isso, é preciso ter a garantia de que todas as informações trocadas tenham sigilo e que os dados tenham total controle de que estão seguros. Se quando você for fazer uma contratação você não ter certeza sobre esses pontos, então desista e procure por outra.

O impacto da segurança jurídica nas relações do negócio

Sem dúvida, a segurança jurídica impacta positivamente qualquer negócio. Mas ainda traz muitas outras vantagens, como permitir que a empresa:

  • Tenha vantagem competitiva;
  • Esteja mais preparada para se antecipar a problemas;
  • Por saber se antecipar a problemas, estará mais sólida e será mais valiosa aos olhos do mercado;
  • Melhore o planejamento estratégico;
  • Melhore a performance e a produtividade;
  • Atenda às normas internacionais e requisitos legais e regulatórios pertinentes;
  • Melhore a governança;
  • Melhore a confiança das partes interessadas;
  • Melhore a eficácia e a eficiência operacional;
  • Melhore o desempenho em saúde e segurança, bem como a proteção do meio ambiente;
  • Melhore a prevenção de perdas e a gestão de incidentes;
  • Minimize perdas;
  • Melhore a aprendizagem organizacional;
  • Desenvolva uma mentalidade de risco na rotina operacional; e
  • Aumente a resiliência da organização.

Se você ainda não conta com esse serviço em sua organização, você está perdendo tempo e dinheiro. Você precisa hoje mesmo garantir a segurança jurídica do seu negócio para ter todos os seus benefícios.

Como implementar uma Gestão de Risco?

E se você não sabe por onde começar, ou precisa de uma indicação de confiança de uma empresa que realmente possa resolver os seus problemas e que ainda conte com profissionais especializados e qualificados em gestão de riscos, conformidade legal e compliance, então conheça a Verde Ghaia. Ela é referência no mercado nacional há mais de 20 anos na assessoria e monitoramento de requisitos legais, e conta com um corpo jurídico extremamente competente e capacitado.

A Verde Ghaia também possui o maior banco de dados de legislações do país, para que nenhuma lei ou requisito seja esquecido na hora de fazer a sua gestão de riscos. Outro ponto de destaque da Verde Ghaia é possuir o software mais moderno do país, o SOGI, ou Software Online de Gestão Integrada, que possui inteligência artificial para auxiliar no monitoramento das leis e no cumprimento de todas as suas obrigações legais.

Com a Verde Ghaia você garante uma excelente gestão de riscos, promove o crescimento sustentável e, claro, o sucesso da sua organização.

Entre em contato conosco e venha conhecer mais sobre nossos serviços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *